Mestrados

Mestrado em Desafios das Cidades

Data de publicação

Feb 21, 2022

Curso

Mestrado em Desafios das Cidades

Regime

Outro (b-learning)

Área

Engenharia Civil

Universidades participantes

Universidade de A Coruña (UDC); Universidade de Santiago de Compostela (USC); Universidade de Vigo (UVIGO); Universidade do Porto (U.Porto), Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e Universidade do Minho (UMinho)

Coordenação e contato

Coordenação conjunta Galiza-Portugal:

Luís Bragança (Universidade do Minho)
Morada: Departamento de Engenharia Civil; Escola de Engenharia; Universidade do Minho; 4800-058 Guimarães; Portugal
Telefone: +351 253 510 200
E-mail: braganca@civil.uminho.pt
Web: www.civil.uminho.pt

Cándido Jaime López González  – (Universidade de A Coruña)
Morada: C/ Posse, nº 55, 5º B.  15009 A Coruña
Tel: (0034) 981.130.909
E-mail: candido.lopez@udc.es
Web: https://mccl.es/

Descrição

O Mestrado em Desafios das Cidades tem como objetivo a análise de desafios e respostas para os domínios de apoio a uma cidade sustentável, considerando 6 Dimensões ou Áreas Científicas: a Dimensão Física; a Dimensão Social e Educativa; a Dimensão Ambiental; a Dimensão Tecnológica; a Dimensão de Governança; a Dimensão Económica.

A docência (em Português, Galego, Castelhano ou Inglês) será da responsabilidade de dois docentes, um de uma das três universidades de Galiza, e outro de uma das três universidades do norte de Portugal. O trabalho em equipa docente permite a oferta de visões complementares e holísticas, considerando a natureza, a identidade e a idiossincrasia dos dois países, Portugal e Espanha.

O mestrado de 90 ECTS desenvolve-se em 3 semestres, com 30 ECTS cada. O primeiro semestre inclui 6 Unidades Curriculares de 5 créditos ECTS, todas obrigatórias para todos os estudantes. No segundo semestre os estudantes terão 2 UC de carácter obrigatório (Estágio (em ambiente institucional ou empresarial); Metodologia de Investigação e Plano de Dissertação) e 4 UC a escolher de entre uma oferta de 12 UC, relacionadas com uma determinada dimensão ou área científica. O terceiro semestre é destinado à elaboração da Dissertação

Número de vagas

36

Admissão

Número de vagas: 36 (UTAD: 6, UMinho: 6, U.Porto: 6; UDC: 6; USC: 6; UVigo: 6)

Condições de ingresso:

  1.  Possuir o grau de licenciado em Engenharia Civil, Geografia, Informática, Sistemas de Informação, Ciências Sociais, Educação, Arquitetura, Economia ou áreas afins;
  2. Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido pelos órgãos competentes de todas as IES, como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado, nas áreas do conhecimento mencionadas em a).

 

Complementos de formação:  Não

 

Critérios de seleção e seriação:

  1.     Ordem de preferência de Universidade, escolhida pelo próprio candidato em relação ao curso de Mestrado a frequentar, através de formulário disponibilizado para o efeito, aquando da candidatura;
  2.            Adequação da titulação de acesso e curriculum aos conteúdos do mestrado, de acordo com as condições de ingresso estabelecidas;
  3. Currículo académico e científico (formação extracurricular, participação em atividades científicas e académicas relacionadas com os objetivos do mestrado, etc.);
  4. Experiência profissional relevante para o ciclo de estudos, etc.).

A Comissão Académica Interuniversitária determinará, relativamente a titulações de acesso de outros ramos, a sua adequação aos conteúdos do mestrado. O expediente académico terá um peso máximo de 70% do total, e outros méritos um peso máximo de 30%. Caso seja necessário, o desempate consistirá numa entrevista, em que os candidatos serão avaliados relativamente às suas competências comportamentais, relacionais e quanto à sua motivação.



Plano de estudos

O programa de  mestrado UNISF em Desafios das Cidades desenvolve-se ao longo de 3 semestres e inclui unidades curriculares apresentadas na tabela seguinte: 

Calendário

Calendário de candidaturas


1ª Fase de candidaturas

Período de candidatura: 01 a 24 de junho de 2022

Divulgação dos resultados: até 29 de julho de 2022

Período de matrícula: 05 a 16 de agosto de 2022

 

2ª Fase de candidaturas (caso não sejam preenchidas todas as vagas na 1ª fase) **

Período de candidatura: 01 a 15 de setembro de 2022

Divulgação dos resultados: até 12 de outubro de 2022

Período de matrícula: 22 a 28 de junho de 2022

 

​(*) Calendário de candidaturas ao mestrado aplicado pelas universidades portuguesas no ano letivo 2022/2023. O calendário da 1º fase de candidaturas ao mestrado está sob consulta nas universidades galegas: USC, UVigo e UDC.

(**) Calendário de candidaturas ao mestrado aplicado pelas universidades portuguesas no ano letivo 2022/2023. O calendário da 2º  fase de candidaturas ao mestrado sob consulta nas universidades galegas: USC, UVigo e UDC

 

 



Inscrição

Forma de apresentação de candidaturas:

 A candidatura será realizada on-line, através do Portal Académico de qualquer uma das seis universidades envolvidas na oferta do mestrado, seguindo o calendário aplicado a essa instituição. É importante ler com atenção as instruções que lá constam.

 


Portais Académicos:

Universidade de Vigo (UVigo): https://www.uvigo.gal/es/estudiar/que-estudiar/masteres

Universidade de A Coruña (UdC): https://estudos.udc.es/es/masters

Universidade de Santiago de Compostela (USC): https://www.usc.es/gl/estudos/masteres

Universidade do Porto (U.Porto):
https://sigarra.up.pt/up/pt/web_base.gera_pagina?p_pagina=mestrados

Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD): https://www.utad.pt/sa/inicio/mestrados-e-doutoramentos/

Universidade do Minho (UMinho):
https://www.uminho.pt/PT/ensino/oferta-educativa/Paginas/Mestrados.aspx

 

 Informação adicional:

Ao submeter a sua candidatura a qualquer uma destas seis universidades, o candidato está a candidatar-se, em primeira opção, a essa universidade. Contudo, poderá no seu processo de candidatura indicar se pretende ser também considerado para admissão numa das outras universidades caso não seja admitido, por falta de vaga, naquela em que apresentou a sua candidatura.

 
No momento da candidatura será obrigatório que os candidatos preencham um formulário, no qual deverão indicar a ordem de preferência das universidades em que se pretendem matricular.

 

Matrícula:

Os estudantes devem fazer a matrícula na universidade em que foram colocados na lista de seriação. No caso de os candidatos serem colocados e se matricularem numa universidade que não foi a sua primeira opção de candidatura, a informação desse candidato será enviada pela universidade onde apresentou candidatura para a universidade onde foi colocado.

 

Valor de Propina (estudantes nacionais, equiparados e internacionais)

Universidades Portuguesas – 1000 € (mil euros)

Universidades Galegas – sob consulta em cada instituição.

Campus Virtual Universidade-Inovação

https://www.universidadesemfronteiras.eu/masters

Mais informações

master-dc-pt.pdf

Registe-se

Desejo receber as últimas novidades do projeto